No Conexão Empresarial, Cláudio Forner fala da mente criativa e novos modelos de negócios

No Conexão Empresarial, Cláudio Forner fala da mente criativa e novos modelos de negócios

Evento foi o segundo; próximo será no dia19

A crise nos modelos de negócios, o diferencial da mente criativa e da mente comum, a necessidade de buscar soluções diferenciadas e os passos para transformar ideias em oportunidades de mercado foram temas discutidos pelo administrador de empresas e consultor Cláudio Forner, na segunda palestra do Conexão Empresarial realizada na noite de quarta-feira (13), no Teatro Municipal de Toledo.

Forner provocou na plateia reflexões sobre o tipo de crise que o mercado brasileiro de modo geral está vivenciando. “Procuro mostrar de forma objetiva que a grande crise não é a que todo mundo está enxergando. Existe outra crise, a do envelhecimento nos modelos de negócios.”

Segundo o consultor, é preciso avaliar o que está acontecendo com o setor de varejo na atualidade. Estão crescendo os novos modelos de negócios e o ‘velho’ varejo está com problemas. “O varejo de moda que mais cresce no Brasil é a Renner, que cresceu quase 29% no ano passado; no meio da crise, está expandindo, dando banho na C&A, que está fechando unidades. Então, é o jeito diferente de fazer as coisas, de criar oportunidades de negócios. E isto está acontecendo nos mais diversos segmentos, como revenda de carros, hotéis, postos de combustíveis e muitos outros”, frisa.

Segundo Forner, isto tem a ver com a velocidade das mudanças. No passado, era diferente: um negócio podia levar 30 anos para se consolidar, ou para que ‘quebrar’ tinha que cometer erros por muitos anos. Por isso, diante de resultados ruins, é fundamental fazer um diagnóstico correto. “É essencial identificar qual é o problema, o que está acontecendo com a empresa, porque senão a crise vai passar e o faturamento pode não voltar; e as ideias que se convertem em oportunidades só terão conexão se o diagnóstico for perfeito.”

Outro aspecto discutido por Forner foi a diferença entre a mente criativa da mente comum. “A mente criativa gera soluções diferenciadas, enxerga as tendências de futuro e de forma inovadora, consegue surpreender o seu cliente apresentando produtos e serviços que ele deseja”, aponta.

Crescimento pessoal e profissional

A operadora de caixa Larissa Schaefer, da Picolucho Modas, de Entre Rios do Oeste, participou pela primeira vez do evento e o considerou muito interessante. “Consegui enxergar vários aspectos que podem ser aplicados na empresa para aprimorar o trabalho em equipe. Sempre vejo como o Conexão atrai as pessoas e dessa vez não foi diferente, com temas que são fundamentais para o desenvolvimento dos profissionais no mercado.”

Caroline Reis, sócia-proprietária do Prime Laboratório Odontológico, ressalta que é importante buscar novos conhecimentos. “Tudo que foi tratado agrega muito no dia a dia, tanto na vida profissional quanto na pessoal. Muito interessante para melhorarmos o que já estamos fazendo, buscando inovar cada vez mais para nos aperfeiçoar e atender ao que o mercado exige.”

Para a diretora de Treinamento da Acit, Franciele Rezzadori de Souza,a principal mensagem é a importância da atualização e da inovação nas empresas, de sair do lugar comum e buscar a criatividade para apresentar um diferencial no mercado. “Ele mostrou a importância da diversificação dentro das organizações, implantar novas ideias, aproveitar oportunidades, para ser o diferencial e o destaque em seu segmento. É uma palestra que nos tirou da zona de conforto, nos provoca a pensar no que fazer para nos sobressair em nosso setor.”

Conforme o presidente da Acit, Flávio Furlan, a palestra superou a expectativa. O palestrante é um profissional totalmente antenado com o que está acontecendo no Brasil e no mundo e, de certa forma, abre os olhos dos empresários. “Ele nos trouxe vários ensinamentos e reflexões sobre o que precisa ser feito para avançar em um mundo tão competitivo; quem não estiver antenado não sobreviverá no mercado que muda de forma tão veloz. Todos que estiveram presentes vieram em busca de conhecimento e o fato da plateia permanecer intacta do começo ao término do evento comprova o interesse de cada um.”

Após a palestra foram sorteados dois cartões-presente no valor de R$ 300,00 cada um. Foram contemplados Gerson Malaguini Pires, da Barbearia Âncora, e Laiara de Souza, do Colégio La Salle.

Parceria

No Conexão Empresarial 2017, são parceiros da Associação Comercial e Empresarial de Toledo (Acit) o Sicoob Meridional, Fiasul Indústria de Fios, Lumiar Turismo, Slaviero Veículos, Gráfica JA, Colégio La Salle, Olinda Hotel e Eventos, Vip Dinâmica Corretora de Seguros, Coamo Agroindustrial, PUCPR, Sebrae, Prefeitura de Toledo e Câmara Municipal.

Mais informações podem ser conseguidas pelo telefone (45) 3055-4636 ou pelo e-mail treinamentos@acit.org.br

REDES SOCIAIS

Receba nossas novidades

Cadastre-se em nossa newsletter e fique
por dentro de tudo que acontece.